Nada Se Leva visita artesões do projeto Cultura em Foco.

domingo, outubro 20th, 2013

O estúdio teve o grande prazer de visitar alguns artesões de Sergipe, Alagoas e Bahia para a segunda etapa do Cultura em Foco (Tecnologia, Design e Inovação no Artesanato), projeto do IPTI que promove economia criativa.

O QUE É O IPTI?
O Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação, IPTI, foi criado em outubro de 2003, com o propósito de aplicar métodos técnico-científicos na resolução de problemas sociais, econômicos e tecnológicos, prioritariamente seguindo critérios de interação com as comunidades beneficiárias, enaltecimento das dinâmicas locais e reaplicabilidade. É uma instituição de ciência, tecnologia e inovação, privada, com fins não econômicos, fundada em outubro de 2003, na cidade de São Paulo (SP), com o objetivo de desenvolver soluções integradas entre tecnologia e processos humanos, tendo como áreas prioritárias a educação, saúde pública e economia criativa.
Em dezembro de 2006 o IPTI iniciou diálogos com o Governo de Sergipe, com o intuito de instalar neste Estado um centro de Tecnologias Sociais, associado à uma experiência de promoção de desenvolvimento social e econômico, com base num modelo concebido por pesquisadores da instituição, integração entre arte, ciência e tecnologia (The Human Project).
Em dezembro de 2009 o IPTI transferiu sua sede para Santa Luzia do Itanhy, município sergipano selecionado para hospedar o The Human Project, e em 29 de abril de 2010 o Governo de Sergipe qualificou o IPTI como Organização Social (OS) estadual.

ÁREA DE ECONOMIA CRIATIVA:

Nome do projeto: Cultura em Foco
Objetivo: Promover a inclusão sócio-econômica de população de baixa renda por meio da consolidação de um modelo inovador, diferenciado e replicável baseado no princípio de economia criativa adaptado a pequenos empreendimentos.
Público Atendido: Artesãos Santa Luzia do Itanhy
Fonte financiadora: BID, SEBRAE-SE e BaneseCard
Blog: http://culturadesenvolvimento.blogspot.com

Nome do Projeto: Sentidos do Itanhy
Objetivo: Elaboração de Diagnóstico e Plano de Gestão do Turismo para o Município de Santa Luzia do Itanhy, de forma participativa, baseado nos principais ativos imateriais locais
Público Atendido: Moradores de Santa Luzia do Itanhy e de Estância
Fonte financiadora: Ministério do Turismo
Blog: http://turismo-santaluziadoitanhy.blogspot.com

Nome do Projeto: Tecnologia, Design e Inovação no Artesanato
Objetivo: Aplicar conhecimento científico e tecnológico para a construção de um modelo inovador de desenvolvimento setorial, na área do artesanato, baseado numa integração coordenada e sustentável entre design contemporâneo e processos artesanais, com vistas ao desenvolvimento de novos produtos com alto valor agregado, estabelecimento de inovação e aumento da competitividade.
Público Atendido: 6 organizações coletivas de artesãos dos municípios de: Pão de Açúcar (AL), Piranhas (AL), Poço Redondo (SE), Poço Verde (SE) e Paulo Afonso (BA). Fonte financiadora: SEBRAE Nacional

Poço Redondo (SE).

Bilro da Dona Dominga em Poço Redondo.

Trabalho de entalhe do Mestre Tonho de Poço Redondo.

Bordadeiras da Ilha do Ferro, Pão de Açucar (AL).

Trabalho de entalhe dos artesões da Ilha do Ferro (AL).

Comemoração de 10 anos do IPTI - Santa Luzia do Itanhy (SE).

As damas do Fuxico em Santa Luzia.

Dona Felicia e seu tear em Santa Luzia (SE).

Nova coleção de Fuxico por Nada Se Leva na Clerkenwell Design Week de Londres.

segunda-feira, julho 8th, 2013

A Felicia (Cultura em Foco) apresentou sua mais nova coleção de estampas e cores para a linha fuxicos  na Clerkenwell Design Week 2013 em Londres. As cores da mais nova coleção foram tiradas das estampas de chita, tecido de algodão tradicional com cores fortes, geralmente florais, e tramas simples.

http://www.clerkenwelldesignweek.com/exhibition/house-of-detention/467-fellicia

http://www.designdb.com/dreport/dblogView.asp?catPKID&sGb&sTxt&oDm=3&bbsType&page=1&bbsPKID=20902

Estampa diamante vermelha.

Estampa diamante azul.

Estampa diamante roxo.

http://aliciafdz.blogspot.com.br/2013/05/clerkenwell-design-week-2013.html

Nada Se Leva participa de projeto de inclusão social e econômica.

quinta-feira, novembro 3rd, 2011

O estúdio Nada Se Leva lança a coleção Fuxico na terceira edição do Circuito Design OK.

Em parceria com o Cultura em Foco, o Estúdio Nada Se Leva revisita o fuxico, se envolvendo pela primeira vez em um projeto de inclusão social e econômica que beneficia uma pequena comunidade no município de Santa Luiza do Itanhy, ao sul do estado de Sergipe.

Estampa gráfica e marcante do pied-de-coq, o estúdio Nada Se Leva revisita o fuxico.

 

Santa Luiza do Itanhy.

Santa Luiza do Itanhy.

O Cultura em Foco procura promover o aumento de ocupação e renda e garantir a auto-sustentabilidade das atividades praticadas pelos artesãos de Santa Luzia do Itanhy, qualificando a produção artesanal local com base na valorização dos elementos culturais desta região. O modelo é estruturado por meio de 3 eixos de atuação: a) construção de um Banco de conhecimento do projeto (metodologia, gestão, resultados, etc.); b) apropriação de conhecimento pelos beneficiários e; c) divulgação da experiência a um público externo, visando incentivar a sua reaplicabilidade. A metodologia proposta, para desenvolver em Santa Luzia um modelo de inclusão empreendedora, partiu do levantamento do patrimônio material e imaterial da região e da coleta de dados relativos aos indicadores de resultados e impactos do projeto, configurando um banco de dados consistente sobre a cultura local.
Coordenador: Dra. Renata Piazzalunga
Status: Em andamento
Período: 07/2009 a 11/2011
Público-alvo: artesãos de Santa Luzia do Itanhy

Instagram